Madeirense Marcos Freitas apura-se para final do Open checo de ténis de mesa

25 Ago 2018 / 21:37 H.

Marcos Freitas apurou-se hoje para a final do Open da República Checa em ténis de mesa, ao derrotar o japonês Tomokazu Harimoto, por 4-3.

Em Olomouc, o português, 16.º do ‘ranking’ mundial, teve jornada dupla, já que antes teve de passar pelos ‘quartos’, defrontando o austríaco Daniel Habesohn (53.º), a quem ganhou por 4-1, com os parciais de 11-6, 9-11, 11-6, 11-6 e 11-3.

O adversário seguinte era mais complicado, já que se trata de um prodígio de apenas 15 anos, que já ocupa a sexta posição do ‘ranking’.

Freitas, que já ganhara a Harimoto no ano passado por 4-2, no Open da Alemanha, foi forçado à ‘negra’, onde se saiu bastante bem, com os parciais finais a indicarem 11-5, 1-11, 11-8, 9-11, 11-8, 5-11 e 11-6.

O nipónico é o jogador mais jovem de sempre a conquistar um torneio do circuito mundial, ao vencer o Open da República Checa no ano passado, com apenas 14 anos. Este ano, já venceu o campeão olímpico, o chinês Ma Long, no Open do Japão, competição que conquistou ao derrotar na final o chinês Zhang Jike.

Para o sucesso total de Marcos Freitas em Olomouc só falta agora superar o chinês Peifeng Zheng, o outro candidato a chegar à final, marcada para domingo às 14:40.

Tópicos

Outras Notícias