João Mário tem “todo o respeito” por Andorra, apesar de ser 144.ª do ‘ranking’

Lisboa /
03 Out 2017 / 10:38 H.

O médio João Mário afirmou hoje que a seleção portuguesa tem “todo o respeito” por Andorra e lembrou que a formação lusa só depende de si própria para garantir o apuramento direto para o Mundial2018 de futebol.

“Respeitamos todos os adversários. Já defrontámos Andorra anteriormente. É uma equipa agressiva e, a jogar em casa, criou muitas dificuldades à Hungria e à Suíça. Sabemos que vamos disputar o jogo num relvado sintético. Vamos encarar o jogo com respeito e tentaremos vencer, claro”, afirmou João Mário.

O jogador do Inter de Milão, que falava aos jornalistas minutos antes do primeiro treino da seleção portuguesa na Cidade do Futebol, em Oeiras, ‘pegou’ nas palavras de Fernando Santos e também classificou o duelo com Andorra, que ocupa o 144.º lugar do ‘ranking’ FIFA, como uma meia-final.

“Sabemos que primeiro temos que vencer Andorra para depois disputar a tal final com a Suíça. Continuamos a depender só de nós para passar em primeiro do grupo e esse é o ponto mais importante”, referiu.

O médio de 24 anos congratulou-se com o regresso de Éder, um “jogador especial para Portugal”, às escolhas de Fernando Santos e lembrou que a seleção nacional tem “o melhor jogador do mundo”.

“Da última vez que jogou pela seleção, não tinha ritmo e fez três golos num jogo. Esperamos sempre o máximo do Cristiano e ele vem sempre com vontade de ajudar”, disse.

João Mário, que tem 27 jogos pela seleção nacional, abordou ainda a situação de Adrien, seu antigo colega no Sporting, que ficou de fora das opções de Fernando Santos, por estar impossibilitado de jogar pelo Leicester City.

“Infelizmente aconteceu aquilo com o Adrien. Fico triste por ele, é um colega e um amigo. Faz muita falta. É um campeão europeu e um jogador útil à equipa. Desejo que tudo se resolva rapidamente, que volte a jogar e regresse ao nosso grupo”, referiu.

Nas duas últimas rondas do Grupo B de apuramento para o Campeonato do Mundo, que se vai realizar na Rússia, Portugal desloca-se a Andorra, a 07 de outubro, e recebe a Suíça, a 10, no Estádio da Luz, em Lisboa, num encontro que poderá ser decisivo para garantir o acesso direto à fase final.

A seleção nacional ocupa o segundo posto do grupo, com 21 pontos, menos três do que a Suíça, que lidera só com vitórias. As duas equipas já têm pelo menos assegurado um lugar no ‘play-off’, caso falhem o primeiro lugar.