Duas campeãs em dia histórico para Portugal

07 Mar 2018 / 20:50 H.

Portugal chegou hoje, pela primeira vez, a um lugar no pódio da Algarve Cup de futebol feminino, num dia em que pela primeira vez na história da competição foram coroadas duas campeãs.

A forte chuva que caiu na região do Algarve impediu a realização da final entre a Holanda, campeã europeia, e a Suécia, com a organização a decidir atribuir o títulos às duas equipas.

Com o relvado do Estádio Municipal da Bela Vista, no Parchal (Lagoa), alagado, o troféu foi entregue às capitãs na sala de imprensa, com a Suécia a vencer a prova pela quarta vez e a Holanda a estrear-se no palmarés.

Mais cedo, Portugal fez história em Albufeira, ao conseguir pela primeira vez subir ao pódio da competição, depois de derrotar a Austrália, por 2-1.

Nádia Gomes (38 minutos) e Vanessa Marques (56) marcaram para Portugal, com Caytlin Cooper (45+3) a fazer o golo da Austrália, que ainda desperdiçou uma grande penalidade aos 85.

Portugal conseguiu a sua melhor prestação no torneio algarvio, depois de ter terminado no quinto lugar em 1994, na primeira das 25 edições da Algarve Cup, em que apenas participavam seis equipas.

Para completar a semana histórica, a capitã da equipa das ‘quinas’ Cláudia Neto foi eleita a melhor jogadora do torneio.

O Canadá, finalista vencido em 2017, conquistou o terceiro lugar, ao vencer o Japão, por 2-0, a Islândia precisou das grandes penalidades para assegurar o nono posto, frente à Dinamarca (1-1, 5-4gp), e a China fugiu ao 12.º e último lugar, depois de bater a Rússia, por 2-1.

O encontro de atribuição do sétimo lugar, entre a Coreia do Sul e a Noruega, também foi cancelado devido ao mau tempo.