Croácia e Suíça ganham vantagem nos ‘play-offs’ do Mundial’18

09 Nov 2017 / 21:53 H.

A Croácia, que bateu em casa a Grécia (4-1), e a Suíça, vencedora na Irlanda do Norte (1-0), ganharam hoje uma preciosa vantagem nos ‘play-offs’ da zona europeia de apuramento para o Mundial de futebol de 2018.

Em Zagreb, os croatas beneficiaram de uma série de erros da defensiva helénica para ganhar três golos de avanço e, em Belfast, foi uma falha do árbitro romeno Ovidiu Hategan a colocar os helvéticos mais próximos da Rússia.

A Croácia adiantou-se em casa logo aos 13 minutos, depois de uma falha do guarda-redes Karnezis, que não dominou bem um atraso de um companheiro e, depois, derrubou Kalinic, oferecendo um penálti que Modric não desperdiçou.

Apenas seis minutos depois, foi o próprio Kalinic a apontar o segundo tento dos locais, com um toque de classe, isolado, depois de um centro da esquerda de Strinic.

Aos 30 minutos, os gregos ainda reduziram, pelo central Papastathopoulos, de cabeça, na sequência de um canto marcado na esquerda por Fortounis, mas, logo depois, aos 33, Perisic, de cabeça, sem marcação, repôs dois tentos de vantagem para a Croácia, em resposta a um centro da direita de Vrsaljko.

Na segunda parte, o jogo acalmou, mas os croatas ainda chegaram ao quarto golo, obra de Kramaric, após nova assistência de Vrsaljko, na sequência de mais um erro crasso da defesa helénica, desta vez de Stafylidis.

O benfiquista Samaris foi titular nos gregos, sendo substituído por lesão, aos 62 minutos, enquanto Zeca e Mitroglou atuaram os 90 minutos.

Em Belfast, o momento do encontro aconteceu aos 58 minutos, quando o árbitro ‘transformou’ um corte com o ombro de Corry Evans num corte com o braço e assinalou penálti, que Ricardo Rodriguez aproveitou para dar o triunfo à Suíça.

Nos adversários de Portugal na fase de grupos, o benfiquista Seferovic foi titular, sendo sido substituído aos 77 minutos, por Embolo.

Outras Notícias