400 atletas e 700 passagens vendidas para a 6.ª edição do Porto Santo Nature Trail

09 Fev 2018 / 19:13 H.

A 6.ª edição do Porto Santo Nature Trail foi apresentada oficialmente, esta tarde, a bordo do navio Lobo Marinho, estando para já confirmados “mais de 400 atletas” e “700 passagens vendidas”, de acordo com Policarpo Gouveia, presidente da Associação de Atletismo da Madeira. A prova decorre a 3 e 4 de Março.

“Até ao fecho das inscrições esperamos levar mais de mil pessoas até ao Porto Santo e uns 500 participantes a aderir ao evento”, afirmou Policarpo Gouveia, relembrando que o ano passado a prova contou com “cerca de 700 pessoas” inscritas.

O presidente da associação destacou “o bom impacto económico de eventos desta natureza no Inverno” na Ilha Dourada e pediu “mudanças” e uma “maior compreensão” de forma a não pôr em causa a continuação da prova, visando o antigo executivo camarário do Porto Santo.

“Não estamos aqui para ganhar dinheiro, mas não podemos estar a promover eventos deficitários. Nos últimos 4 anos o apoio foi zero”, observou Policarpo Gouveia.

Sérgio Gonçalves, administrador executivo do Grupo Sousa, marcou igualmente presença na cerimónia oficial destacando que esta “é uma prova que tem vindo a crescer no Porto Santo, numa aposta de uma modalidade que também vem em crescendo, em termos internacionais e na própria afirmação da Região como um destino de eleição para a realização deste tipo de provas”.

“Repetimos a importância dos eventos para uma pequena economia e para um destino turístico que padece de uma sazonalidade crónica e que vive também, não só de Verão, mas de todos estes eventos no Inverno”, disse Sérgio Gonçalves, que continua a achar, no nome do grupo, que esta “é uma das formas de dinamizar o Porto Santo na época baixa”, contribuindo igualmente para que “as famílias acabem por se deslocar ao Porto Santo, durante vários dias, desfrutando da ilha”.

“É muito importante que outros [patrocinadores] se juntem e além de termos mais apoios é importante não termos forças de bloqueio. O Porto Santo ainda está a gatinhar no que diz respeito ao Inverno”, concluiu o administrador.

Outras Notícias