Suspeito de matar a tia vai ser presente ao juiz amanhã

19 Mai 2017 / 16:37 H.

O homem suspeito de matar a tia à facada, em Machico, foi hoje ouvido no Tribunal de Santa Cruz pelo procurador do Ministério Público mas apenas amanhã de manhã será presente ao Juiz de Instrução, no Funchal, para determinação das medidas de coacção. Tudo indica que ficará em prisão preventiva, a aguardar julgamento.

Tal como o DIÁRIO já noticiou, aparentemente este crime ocorreu num contexto de represálias. O homem muniu-se de uma faca de cozinha e agrediu a tia, de 66 anos, até à morte.

Tópicos