Judiciária deteve sete suspeitos de tráfico de droga

Buscas realizaram-se no Funchal, Oeiras e Sintra

30 Out 2017 / 16:46 H.

Sete suspeitos, com idades compreendidas entre os 21 e os 24 anos, foram detidos pela Polícia Judiciária, devido à suspeita de tráfico de estupefacientes.

As detenções resultaram da colaboração entre a Policia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal do Funchal, com a UNCTE - Unidade Nacional de Combate ao Tráfico de Estupefacientes. No âmbito desta operações foram levadas a cabo “várias buscas, doze das quais domiciliárias, nas áreas do Funchal, Oeiras e Sintra, tendo cinco dessas detenções sido foram realizadas em cumprimento de mandados judiciais e duas em flagrante delito”.

“Durante a investigação, que decorria desde Fevereiro de 2017, foram efectuadas quatro apreensões de haxixe em datas e quantidades diferenciadas que, no total, ultrapassavam os dez quilos, o que equivale cerca de vinte e uma mil e trezentas doses individuais”, refere nota da PJ.

De referir ainda que foram aprendidas cerca de sete mil doses individuais de haxixe, mil de MDMA, dinheiro, vários telemóveis, computadores portáteis, e balanças de precisão.

“Os detidos foram presentes às autoridades judiciais para primeiro interrogatório judicial, tendo sido decretada a prisão preventiva a três deles e ficando os restantes sujeitos às medidas de coacção de proibição de ausência da Região Autónoma da Madeira, impedimento de contacto entre eles e apresentações bissemanais às autoridades policiais”, conclui comunicado da PJ.

Outras Notícias