Força Aérea retira tripulante doente de navio de pesca nos Açores

15 Abr 2018 / 19:58 H.

A Força Aérea Portuguesa (FAP) retirou hoje com sucesso o tripulante de um navio de pesca que navegava a cerca de 200 milhas náuticas (aproximadamente 370 quilómetros) a leste da Terceira, anunciou o Comando da Zona Marítima dos Açores.

Em comunicado enviado às redações, a Marinha adianta que a retirada médica urgente do tripulante português, de 22 anos, do navio de pesca “Cidade de Amarante”, foi realizada através do Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Ponta Delgada, em articulação com os Centros de Coordenação de Busca e Salvamento das Lajes e com o de Orientação de Doentes Urgentes Mar (CODU-Mar).

Para proceder à operação foi acionado o helicóptero EH-101 da Força Aérea Portuguesa (FAP), estacionado na Base Aérea das Lajes, tendo o resgate do doente ocorrido com sucesso e o paciente desembarcado no aeroporto João Paulo II, em Ponta Delgada, pelas 14:10, e transportado por ambulância para o Hospital Divino Espírito Santo, na ilha de São Miguel.

Tópicos