O que é regional é bom!

Se tem dúvidas sobre a nossa Poncha, convidamo-lo a provar e deixar a sua opinião!

21 Abr 2017 / 18:00 H.

A nossa ilha é conhecida pelos quatro cantos do mundo, seja pela sua beleza natural, pelas personalidades que transportam em si o nosso nome, mas também pela nossa cultura e tradições.

É tradição, é regra, é imperativo. Os espaços da área da restauração são um dos maiores disseminadores de nossa cultura e exemplo disso é todos estarem prontos a servir a nossa bebida mais conhecida e apreciada, a Poncha!

Os limões, as tangerinas, os maracujás... no The Small House fazemos questão de ter os frutos mais frescos, regionais e, juntando à aguardente de cana-de-açúcar madeirense e ao mel, esforçamo-nos para elaborar uma Poncha deliciosa e fresca, capaz de seduzir o provador mais esquivo.

As suas origens remontam à Índia, mas o estabelecimento da bebida na Região deve-se, em parte, ao aguardente e melaço de cana que eram produzidos na ilha, no século XV. O verdadeiro aparecimento da Poncha como ela é divaga pelo século XIX, onde era consumida pelas famílias madeirenses mais ou menos abastadas. Cresceu e manteve-se parte da nossa história e, desde 2014, tem a sua identificação geográfica protegida, para a regulação da sua produção e comércio, como “Poncha da Madeira”. Ao estar regulada, e para proteger os produtores da cana sacarina, do aguardente regional e o seu modo de produção, a Poncha da Madeira só pode ser designada como tal na ilha da Madeira e no Porto Santo.

Orgulhosos que somos por sermos madeirenses e estarmos na terra da cana-de-açúcar (Ponta do Sol), oferecemos aos nossos visitantes um pouco de história madeirense. À Pescador, Tradicional, Regional, de Tangerina ou de Maracujá, elaboramos uma Poncha capaz de animar o habitual consumidor e convencer os visitantes estrangeiros.

Se tem dúvidas sobre a nossa Poncha, convidamo-lo a provar e deixar a sua opinião!

Para mais informações, visite o nosso Facebook, Instagram e TripAdvisor.

(devido ao uso de bebida alcoólica na confecção da Poncha, aconselhamos moderação no seu consumo).

Outras Notícias