A arte bonsai

Saiba mais aqui sobre os fascínios destas pequenas árvores em miniatura

11 Jan 2017 / 15:00 H.

Quem nunca se deixou fascinar por aquelas pequenas árvores em miniatura? Como a prática da arte bonsai baseia-se na observação das espécies em tamanho real na natureza, em teoria poderíamos dizer que não existem bonsai de interior, uma vez que todas as árvores que conhecemos vivem no exterior. Contudo, algumas espécies, oriundas de zonas mais tropicais, não suportam os rigorosos Invernos europeus, encontrando, então, no interior das casas, um ambiente similar ao seu habitat natural.

Há cuidados específicos a ter com os bonsai. Os exemplares de exterior devem ser colocados num local onde apanhem entre duas a três horas de sol directo, de manhã ou ao final do dia, de preferência. No Verão, devem protegê-los do sol forte e, no Inverno, dos ventos fortes e das geadas. Nunca se deve colocar um bonsai de exterior dentro de casa (por exemplo, uma oliveira, figueira ou azálea). Eles têm de sentir calor ou frio para que o seu ciclo vegetativo se complete.

As espécies de origem tropical, nomeadamente do sudoeste asiático, encontram no interior das casas temperaturas amenas e constantes que apreciam. O bonsai de interior deve ser posicionado o mais próximo de uma janela com muita luz para apanhar duas a três horas de sol directo no início ou final do dia. A luz solar não deve ser filtrada, nem com cortinas, nem com persianas. Não mantenha o seu bonsai junto de aquecedores, ventoinhas ou ar condicionado. É importante evitar zonas com correntes de ar e, se tem animais em casa, assegure-se de que não alcançam as suas árvores!

No que diz respeito à rega, não existem regras fixas. A frequência com que terá de o fazer depende de vários factores, mas o conselho a seguir é regar abundantemente a terra até a água sair livremente pelos furos de drenagem do vaso. Passados alguns minutos, regue um pouco mais para assegurar que ficou húmido, mas sempre por cima, com um regador de ralos finos e não por imersão. É preciso atenção porque a rega excessiva pode apodrecer o seu bonsai.

Quando o solo é mudado, o bonsai consegue obter dele os nutrientes necessários ao seu crescimento. Porém, dado o exíguo espaço do vaso, rapidamente se esgotam os nutrientes que alimentam bonsai, daí ser necessário administrá-los quinzenal ou mensalmente, de Fevereiro a Novembro, utilizando um fertilizante completo especial para bonsai.

A poda de manutenção pode ser feita durante todo o ano e tem como objectivo manter o desenho e a silhueta do bonsai. Os cortes maiores deverão ser selados com uma pasta cicatrizante e devem ser executados no final do Inverno ou no início da Primavera ou Outono.

O solo do bonsai deve ser renovado a cada dois anos. Nessa ocasião pode escolher um novo vaso, mas, atenção, não pode apenas mudar a terra, deve também podar as raízes que cresceram em dois anos e que provavelmente já ocupam todo o espaço disponível.

Vigie constantemente as folhas (frente e reverso) e troncos em busca de insectos. Se identificar algum invasor, recorra de imediato a alguém conhecedor que lhe possa indicar um produto específico para o combate.

Gostaria de ter um bonsai? Visite então o nosso Garden Center, com 1000 m2, na Estrada Monumental nº 550.

Venha visitar-nos e apreciar a variedade de plantas e flores que temos para si. Aproveite e relaxe, tome um café e confie na nossa qualidade!

Tulipa Garden Center: contactos: 291640570

Site: www.atulipa.com Facebook: tulipa.madeira

Outras Notícias