Um país sem cursos de treinador

Mourinho é o expoente máximo dos treinadores portugueses.

É uma situação difícil de compreender. Portugal, segundo as palavras de Rui Marote, presidente da AFM, possui mais de 300 treinadores a trabalhar fora do país. Bem! Um dado que nos deve orgulhar e que não se cinge só ao futebol mas às mais variadas modalidades desportivas.

Todavia, esta informação, analisada isoladamente, é sinónimo de sucesso e qualidade dos treinadores portugueses - tido como expoente máximo José Mourinho. Evidencia também que os cursos e a formação nela intrínseca têm qualidade e caminhavam na direcção correcta.

Portanto, não se percebe porque é que o ex-secretário de Estado do Desporto, Laurentino Dias, tenha decidido uma alteração profunda nos cursos: a primeira medida foi afastar a organização e promoção desses cursos das respectivas federações e coloca-los sob a alçada do Instituto do Desporto de Portugal; A segunda decisão tratou de uniformizar esses cursos para todas as modalidades e criar uma média horária de 600 horas por cada um. Qualquer coisa como um curso superior, que implicaria cerca de três anos para completar o curso.

Resultado: está tudo parado! Não há formação de treinadores em Portugal. O mais grave é que estamos a perder tempo precioso para treinadores de outros países. Mais. No meio de todo este processo de baralhar e dar de novo, os treinadores já habilitados com os respectivos cursos, para poderem mantê-los estão obrigados a pedir a cédula junto do IDP onde pagam 30 euros só para o primeiro nível.

Se não o fizerem, a formação que já adquiriram é considerada nula! Mais uma medida estranha, pois esses cursos já foram pagos à respectiva Federação ou Associação Regional. Quem compreende isto?
 

Comentários

façam o seguinte:1- comparticipem os cursos de formação de treinador
2-No final de cada curso quem obtiver aprovação ganhe além do diploma a cédula de treinador respeitante a esse nível
3-Paguem menos aos jogadores estrangeiros e mais aos treinadores que iniciam ou temtam iniciar e são só entraves,não foi profissional ,não tem nome,logo fica com as escolas...não deveriam ser os treinadores das escolas aqueles que se consideram os mais aptos uma vez que já não vamos ensinar o básico a um jogador Sénior ,apoiam e financiem os apaixonados por futebol pra aque possam ter um mínimo de vencimento que leve a uma vida minimamente digna e não tenham que ter mais 2 trabalhos para continuar a ganhar 100 eur mensais pagos por vezes tarde e ás más horas
Ps: abram os cursos de treinador e baixem os seus custos
cobrem anos mais tarde por exemplo uma taxa para os que chegam á 1 ºª liga e ai sim poderão comprar uma cédula que nada vale, mas aqui pronto chegou-se ao auge e já se oferem de rendimentos que se veem.
AS César A.

Wuhan é Zall Football Club, da China. Este clube está buscando um treinador de futebol qualificado e experiente de controle e estabelecer futebol em um ritmo melhor e desenvolver a equipe. Para informe: wuhanzallfc @ wuhanzallfc.com o wuhanzallfc @ yahoo .com

QUEM ESTIVER INTERESSADO DEVE CONFIRMAR EM PRIMEIRO LUGAR...SE NÃO É CORRUPÇÃO. ESTOU AUTORIZADO PELA SRª CONSULESA DA EMBAIXADA DA CHINA EM PORTUGAL,A FACILITAR INFORMAÇÕES, DEVIDO A UM CONTRATO COM O YANBIAN BAEKDU TIGERS FC DA CHINA, EM 10.2.2012, MESMO COM GARANTIASD BANCÁRIAS, QUE SE CONFIRMOU SER UMA VIGARICE...

Enfim... Portugal e o seu poder politico no seu melhor! Quando temos politicos, que não têm formação nenhuma em Desporto, a tomar decisões de cariz.. dá nisto.
Eu joguei futebol federado durante 12 anos, tenho uma licenciatura(não na àrea de desporto) e tenho o curso nivel um de treinador de futebol tirado na AFP com 18 valores. E agora não consigo tirar o 2 nível o que atrasa, e muito, a minha progressão!!! o que devia acontecer era devolverem-me os cerca de 800eur que gastei!!! mas para isso tinha de existir união entre as pessoas que na mesma posição que eu!
Esperemos que esta situação não se arraste por muito tempo, porque já perdi uma oportundade de ir para o estrangeiro para uma academia de futebol por causa de não ter o nível 2.
Cumprimentos

Alguma novidade acerca de quando como e onde pode haver novas vagas para cursos de treinador??? Obrigado

Pelas informações recentemente obtidas, as Federações desportivas do país aguardam que o Instituto do Desporto de Portugal (organismo governamental) retire (ou altere) a legislação em vigor para que as mesmas Federações possam continuar a leccionar os respectivos cursos.

O mais ridículo disto tudo, é que toda a formação feita e paga pelo formando e que era reconhecida pelo IDP, passa a ser nula caso não possua a cédula, ou seja, tudo aquilo que antes era reconhecido como formação pelo IDP, DEIXA-O DE O SER DE UM DIA PARA O OUTRO!!!
Como é que é possível que se reconheçam cursos de treinador num determinado momento, e depois noutro momento, não é válido? Isto é o mesmo que dizer a um médico: sabemos que você fez o curso de Medicina com as melhores notas, fez o Mestrado, é um excelente médico mas..., como não tem agora esta cédula que na altura em que você fez o curso não existia, o seu curso vale zero, e por isso você tem que voltar para a Universidade e fazer novamente o curso!!!
Agora, imaginem esta mesma regra aplicada aos Engenheiros, Arquitectos, Contabilistas, Professores, etc, etc.
Tá visto que quem nos governa, é que precisa de uma "cédula".

RECEBI A CÉDULA RENOVADA ATÉ JUNHO 2017 DO IDPJ-INSTITUTO DO DESPORTO PORTUGUÊS TREINADOR DE FUTEBOL NIVEL 4. ESPEREMOS QUE A FORMAÇÃO CONTINUE PARA VALORIZAÇÃO DOS NOSSOS TREINADORES DE VÁRIAS ÀREAS E VÁRIAS MODALIDADES TB.

Também estou um pouco indignado com a estagnação acima mencionada. Contudo penso que o exemplo que deu se verifica desajustado pois os treinadores já com a formação feita em cursos anteriores, não terão que fazer a formação de novo. A formação anterior nova não vale zero, coisa nenhuma. Apenas terão que revalidar a cédula.
De certa forma, questione-se: A formação de quem tenha uma licenciatura com opção em Futebol não será mais completa do que a formação dada até então? Penso que sim. Sinto pena é que esta transformação leve tanto tempo, e como acima foi referido e bem, nós Portugal, estamos a perder terreno para os outros países.

sou madeirense e gostava muito de tirar um curso de treinador de futebol , pq sou um apaixonado pelo futebol. mas pelos vistos aqui na madeira somos a segunda opçao de portugal. nao mereçemos isto, sr. rui marote faça alguma coisa

Submeter um novo comentário

O nome que será apresentado como autor do comentário.
O conteúdo deste campo é privado e não será exibido publicamente.