último comentário

Guarda-redes Matt Jones e avançado Tozé Marreco assegurados no União

30/06/2011 14:39
Lusa
1 comentário
Ferramentas
+A  A  -A
Interessante
Achou este artigo interessante?
 

O guarda-redes Matt Jones (ex-Santa Clara) e o avançado Tozé Marreco (ex-Desportivo das Aves) vão reforçar o União da Madeira, garantiu à Agência Lusa fonte do clube que esta época ascendeu à Liga de Honra de futebol.

Matt Jones, que tem 24 anos, chegou a Portugal no início de 2009, proveniente do Sacred Heart Pioneers, dos Estados Unidos, para representar o clube de Ponta Delgada, encetando agora uma nova etapa noutro clube insular.

Tozé Marreco, de 26 anos, tem um currículo mais alargado no futebol português, visto ter jogado na Académica, Mirandense e Pampilhosa, antes de sair para o estrangeiro, onde representou Zwolle (Holanda), Alavés (Espanha), Lokomotiv de Mezdra (Hungria) e Servette (Suiça).

De regresso a Portugal, jogou no Desportivo das Aves, por empréstimo do clube suíço, condição que irá manter no União da Madeira.

Tozé Marreco e Matt Jones juntam-se a outros reforços já contratados, tais como Ávalos (ex-Camacha), Bruno Fernandes (ex-Marítimo), Tomé Mendes (ex-Tondela) e Nuno Silva (ex-Tirsense).
 

1

Comentários

Este espaço é destinado à construçăo de ideias e à expressăo de opiniăo.
Pretende-se um fórum construtivo e de reflexăo, năo um cenário de ataques aos pensamentos contrários.

-2
updown

Gostava de ver uniao na primeira liga... mas sera muito dificil isso acontecer ja. que vai ter meio campo de reformados..

O nome que será apresentado como autor do comentário.
O conteúdo deste campo é privado e não será exibido publicamente.

Outras relacionadas...

11:43

E se fossem elas a mandar piropos?

Vídeo bem humorado e em inglês apresenta algumas das possíveis provocações
13:13

Há plásticas que correm bem, outras nem por isso

O caso da transformação de Renée Zellweger não é único

Espaço participação

Que soluções para melhorar a mobilidade nas regiões insulares?

Quais as estratégias e as opções políticas a seguir em termos de transportes marítimos e aéreos?