último comentário

Abba vão voltar aos palcos

28/12/2010 19:40
Lusa
Foto: Arquivo
Ferramentas
+A  A  -A
Interessante
Achou este artigo interessante?
 

O histórico grupo sueco Abba poderá reunir-se de novo em espectáculo mas ainda não marcaram a data, anunciou Agneta Fältskog, uma das cantoras do quarteto, numa entrevista a um jornal sueco citada esta terça-feira pelo Corriere della Sera.

O grupo, criado em 1972, desfez-se em 1983 e só voltou a ser visto em público em julho de 2008 na estreia, em Estocolmo, do filme 'Mamma Mia', com Meryl Streep, Pierce Brosnan e Colin Firth.

Agneta Fältskog afirmou na entrevista ao semanário sueco M e ao Expressen, que os quatro elementos dos Abba - Björn Ulvaeus (ex-marido dela), Benny Anderson Anni-Frid 'Frida' Lyngstad vão decidir a data do reencontro. "Não vamos fazer uma tournée como, por exemplo, os Rolling Stones ou outras velhas bandas. O ideal seria associar o nosso regresso a poucos eventos de beneficência. Vamos fazer alguma coisa juntos. Será divertido, até porque poderemos falar um pouco do passado".

Os Abba - nome feito das iniciais dos nomes dos quatro membros do grupo - nasceram em 1972 e dois anos mais tarde venceram o Festival da Eurovisão com a canção 'Waterloo'. A consagração surgiu em 1975, com o álbum 'ABBA', que incluía canções como 'SOS', 'Mamma Mia' e 'I've been wating for you'.

Os cálculos mais recentes indicam que os Abba venderam 500 milhões de discos. No dia 19 de Junho de 1976, cantaram 'Dancing Queen' no casamento do rei Gustavo da Suécia com Silvia Sommerlath.

A 16 de Março de 2010, foram incluídos no Rock 'n Roll Hall of Fame, ao lado dos The Stooges, Jimmy Cliff, Genesis e The Hollies.

A separação do grupo em 1983 surgiu quando terminaram os casamentos dos dois pares - Björn e Agneta e também Benny e Frida.

Comentários

Este espaço é destinado à construçăo de ideias e à expressăo de opiniăo.
Pretende-se um fórum construtivo e de reflexăo, năo um cenário de ataques aos pensamentos contrários.

O nome que será apresentado como autor do comentário.
O conteúdo deste campo é privado e não será exibido publicamente.

Outras relacionadas...

PUBLICIDADE

10:07

'Skaters' na Praça do Povo

Criticados por usar a nova praça, pedem compreensão e um parque próprio. Leia tudo na edição de hoje do DIÁRIO

PUBLICIDADE

Espaço participação

Acredita que a impunidade acabou em Portugal?

As detenções e os processos em curso em vários sectores políticos que sinal dão da justiça?