Porto Santo acolhe II Encontro Internacional de Poesia

09 Out 2018 / 17:40 H.

A Ilha do Porto Santo acolhe, a partir de amanhã, 10 de Outubro, o II Encontro Internacional de Poesia, organizado pela CRIAMAR em parceria com a Secretaria Regional do Turismo e Cultura (Direcção Regional da Cultura). O evento é integrado nas Comemorações alusivas aos 600 Anos do Descobrimento das Ilhas e tem por objectivo “valorizar a criação poética e a poesia como uma das mais importantes e seminais experiências da cultura, na actualidade”.

Segundo a Secretaria do Turismo, o encontro surge na sequência da experiência iniciada em 2017 nos Açores, esperando, num futuro próximo, estender às Ilhas Canárias, a Cabo Verde e a São Tomé e Príncipe, e incide no lugar da Poesia no Mundo, propondo um olhar sobre a necessidade de um Humanismo para o Século XXI e, outro sobre o lugar que a Literatura e a Poesia ocupam na chamada Economia da Cultura, numa organização que a Directora Regional da Cultura, Teresa Brazão, considera “oportuna e fundamental” nos dias de hoje.

“Numa sociedade que se constata materialista e que dá por vezes mais importância aos valores económicos do que ao pensamento humano, torna-se essencial que o Governo Regional e, por consequência, os gestores públicos, apoiem, promovam e divulguem o pensamento dos artistas e dos poetas, dando voz a esta vozes que podem e devem assumir-se como um importante contributo na construção do futuro”, sublinha Teresa Brazão, acrescentando que esta reflexão “será, sem dúvida, uma mais-valia para tomarmos consciência das particularidades da individualidade humana que são fundamentais para fazer face a problemas existentes neste novo século e para centrarmos as nossas atenções num debate onde não só se falará da alma humana, mas também das sociedades e das suas características, do devir e das evoluções da humanidade”.

Para a directora regional, este evento representa também “mais uma oportunidade para valorizamos e afirmarmos a nossa cultura, pela via da literatura, na base de uma estratégia que, assumida pelo Governo Regional para esta área, tem-se materializado, com sucesso, a vários níveis”.

Teresa Brazão salienta a sensibilização para os hábitos de leitura cada vez mais cedo, a promoção do livro que tem vindo a ser desenvolvida junto das escolas, nos Museus e em parceria com diversas instituições, ou no que toca ao “excelente trabalho” que tem vindo a ser desenvolvido pelo Serviço de Publicações da DRC, através do qual, “para além dos livros de edição própria, apoiam os autores na publicação de 23 obras literárias, nestes últimos três anos, são vários os exemplos que traduzem uma estratégia reforçada na base de mais este evento cultural”.

Neste encontro que decorre até sexta-feira, dia 12 de Outubro, participam poetas de língua portuguesa, castelhana e italiana e que daqui resultará um Livro de Atas, a ser editado pelo Governo Regional, através da Secretaria Regional do Turismo e Cultura /Direcção Regional da Cultura, “à semelhança do que acontecia nos antigos encontros de ‘Poesia em Porto Santo’ e conforme se fez com o I Encontro Internacional de Poesia de Ponta Delgada, cujo livro de Atas será precisamente apresentado nesta ocasião, com edição da Câmara Municipal de Ponta Delgada - ‘Cidade dos Poetas’”, frisa Teresa Brazão.

Outras Notícias